sexta-feira, 5 de junho de 2009

A vocês
que colonizaram nossas mentes

Eis por mim
uma pane
em introspecção

Minha tecnologia sentimental
se recusa
a executar pouca entrega

Já não consigo ser menor
em nada

Não sei fingir
gostar pequeno

Me sinto inteira
em tudo

Cabe aqui
(em mim)
imenso povoado
liberto

Um comentário:

castalia disse...

acho sincero afirmar - deixou de ser miúda.