segunda-feira, 7 de janeiro de 2008

ladrilhos



.que lambem.

5 comentários:

Sabrina Gahyva disse...

como se fosse único, né?

Léo Barbosa disse...

queria que eles me lambessem também

katyussa veiga disse...

provadores de corpos, lambedores de vida

c qué vê escuta disse...

cara, isso é brasília?

c qué vê escuta disse...

estava meio apressado, atormentado, mas seu obturador havia baixado a velocidade. Havia passado pelo mato baixo, caminhava em direção às fileiras de adultos e crianças. Todos, num objetivo só. Salvar o cinema. Cada um dos tijolos representavam cada fala do roteiro. e todos, grudados formavam um drama. um drama bege, pôr-do-sol. Um drama que perturbava a ordem dos blocos. O drama era justamente esse. Como manterem a ordem ao tempo quer precisavam desordenar as emoções?